Seguidores

quinta-feira, 31 de agosto de 2017

Passionalidade

Por-do-sol da minha cidade- Belo arrebol!



A passionalidade que há em teu versejar

toca a essência de minh’alma.

Escreves para mim, creio!

Pois, leio-te e renasço como Fênix,

ganho força e vida, venço a solidão,

ventos não mais conspiram contra mim,

vislumbro novas paisagens,

me visto de encantamento.

Renascida e feliz, presente na tua escrivaninha

como musa dos teus versos;

Sou o arrebol das tuas tardes,

a insônia das tuas noites,

o sol do teu amanhecer

sou a inspiração que sussurra ao teu ouvido.