Seguidores

sexta-feira, 16 de março de 2018

Gosto de suprimir - Texto sem a vogal "A"




Gosto de escrever suprimindo certo elemento, gosto do grito do verbo, do exercício que ferve meus neurônios, é divertido e me oferece voos homéricos, contribui  com meu crescimento poético, escrevo o que bem quero, é um modo inteligente, crio, e pergunto o  motivo de compor desse jeito diferente.
É que percebi que me desenrolo  como novelo, solto o fio e sigo sem controle e sem tempo,  nem ligo o senhor cuco medindo os minutos e o tempo, e me perco nesse desembesto; escrever, escrever e escrever...
Você que veio ver, se gostou muito bem; se desgostou, deixe seu timbre com seu voto , confesso que terei muito respeito por seu sentir.


terça-feira, 13 de março de 2018

Devaneios


Eu te amo com todo ardor
Eu te quero com tuas manhas
Para alimentar nosso amor
Sou a heroína nas façanhas

Para este querer arrebatador
Sem amarras, nada regulado
Uso meu toque inovador
Quero momentos acalorados

Quero amor e nada mais
Juntinhos, vamos devanear
Aqueles carinhos essenciais
Que bem me fazem delirar

O amor, quando saturado vasa
E eu quero é febre na minha cama
Quando o coração do amor se cansa
Como vela na chuva, apaga a chama

dinapoetisadapaz

Se puder visite!
https://pensandoempoesia.blogspot.com.br/2018/03/dia-da-poesia-14-de-marco.html